Jucilei volta ao time e Lucas Fernandes se destaca em treino do São Paulo

Home / Jucilei volta ao time e Lucas Fernandes se destaca em treino do São Paulo

Jucilei volta ao time e Lucas Fernandes se destaca em treino do São Paulo

O jovem Lucas Fernandes marcou dois gols no treino desta quarta-feira no CT da Barra Funda, depois de substituir o peruano Cueva entre os titulares do São Paulo, que contaram com o retorno do volante Jucilei. A entrada da promessa foi uma das alterações testadas pelo técnico Dorival Junior no setor ofensivo do time no segundo dia de preparação para o jogo contra o Avaí, no próximo domingo, em Florianópolis, pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro. Mantendo o esquema tático 4-1-4-1, Dorival também testou Denilson como centroavante no lugar que seria de Gilberto, que só retornará aos treinos na quinta-feira por causa de dores no joelho esquerdo. Gilberto é a principal opção do técnico para o lugar de Lucas Pratto, que cumprirá suspensão contra o Avaí depois de ter sido expulso no jogo contra o Cruzeiro. O time também não terá Marcinho, que recebeu o terceiro cartão amarelo durante a vitória sobre os mineiros por 3 a 2. No treino desta quarta, Denilson jogou à frente de uma linha inicialmente formada por Cueva, Hernanes, Petros e Marcos Guilherme. Durante a atividade, Dorival fez três alterações no setor ofensivo: Thomaz substituiu Marcos Guilherme; Brenner entrou no lugar de Denilson; e Lucas Fernandes na vaga de Cueva. Além de Lucas Fernandes, Hernanes também marcou pelos titulares, que fizeram 3 a 0 nos reservas. No setor defensivo, com Renan Ribeiro no gol, Dorival manteve a linha formada por Buffarini, Arboleda, Rodrigo Caio e Junior Tavares, que substitui Edimar que, assim como Gilberto, só volta aos treinos na próxima quinta. Mais à frente, Jucilei voltou a treinar com os titulares, como primeiro volante, invertendo de posição com Petros em alguns momentos da atividade. Buffarini foi substituído por Éder Militão na parte final do treino. Em outro momento das atividades desta manhã, Dorival comandou um exercício em campo reduzido onde quatro jogadores, dois para cada lado, precisavam atacar e retornar rapidamente para se defender dos contra-ataques. O treinador pedia agilidade e passes curtos.
Source: Diario da Região

Leave a Comment